Arquivo | Pera Pala RSS for this section

Istambul: Gálata e Taksim

A torre de Gálata, a rua pedonal Istiklal Caddesi e a emblemática praça Taksim são os locais mais representativos de toda a região de Gálata e Taksim, situada numa das partes europeias da cidade de Istambul. No passado, toda esta área esteve sob o domínio dos genoveses e venezianos, embora os Otomanos tenham depois tomado a região aos Bizantinos. É a partir dessa altura que a zona de Gálata e de Taksim se torna uma das localizações privilegiadas na cidade para mercadores europeus e embaixadores.

Este trio emblemático de coisas a ver na região dominou a minha atenção na primeira tarde e noite que passei em Istambul, tendo em conta a localização próxima do meu hotel que ali me permitiria chegar bem rápido e a pé.

IMG_1009

Imediações do hotel, zona de Gálata

IMG_1012

Imediações do hotel, zona de Gálata

IMG_1018

A Torre de Gálata, vista de perto

Torre de Gálata

A torre nas encostas de Gálata é visivel um pouco por toda a cidade. Os seus 61 metros de altura fazem-se impor onde quer que estejamos. Foram eles que me orientaram na minha primeira incursão por Istambul, feita sem recurso a mapa. Do seu topo, acessível por elevador ou escadas, as vistas são espectaculares, qualquer que seja o ângulo de visão obtido. O terraço panorâmico oferece bonitas vistas sobre o Bósforo, o Corno de Ouro e o Mar de Mármara. As fotos abaixo são bem elucidativas disso.

IMG_1031

Vistas do topo da torre de Gálata I

IMG_1041

Vistas do topo da torre de Gálata II

IMG_1042

Vistas do topo da torre de Gálata III

Vistas do topo da torre de Gálata IV

Vistas do topo da torre de Gálata IV

A actual torre foi construída entre 1348/49 pelos genoveses como parte do seu sistema muralhado defensivo. Nessa altura, a torre era conhecida como ‘Torre de Jesus’. No período Otomano, esta foi porém utilizada como prisão, armazém, farol e torre de observação de incêndios na cidade e seus arredores.

IMG_1025

Interior da torre I

IMG_1027

Interior da torre II

Da torre de Gálata à rua Istiklal Caddesi há duas formas de chegar: a pé, galgando degraus e mais degraus numa rua de acentuada inclinação, ou utilizando o funicular do Túnel, que é possível apanhar desde Karakoy. Para não ter voltar para trás, já que tinha acabado de visitar a Torre de Gálata, optei pela primeira opção.

Rua Istiklal Caddesi

A rua que liga o bairro de Gálata à praça Taksim é a Istiklal Caddesi. Ali, os pedestres podem deliciar-se com uma vastidão de cafés, lojas, monumentos e passagens, algumas delas introduzidas no virar do século pelo comércio vindo do ocidente, sem terem de se preocupar com a azáfama do trânsito caótico que ensombra todo o resto da cidade. Só o velhinho elétrico que faz a transferência de passageiros desde o Túnel à praça Taksim pode por ali andar.

IMG_1076

Istiklal Caddesi I

IMG_1078

Iguarias turcas na Istiklal Caddesi

IMG_1084

Arquitetura na Istiklal Caddesi

IMG_1091

Edifícios na Istiklal Caddesi

IMG_2036

O velhinho eléctrico

Mais do que pelo consumo, deve conhecer a rua quando estiver em Istambul para ver bonitas fachadas de edifícios, como a do consulado da Suécia, Dinamarca e Rússia, e igrejas, como a italiana de Santo António. De estilo neo-gótico, esta igreja católica é a mais importante numa cidade dominada pelos minaretes de incontáveis mesquitas. Também merece destaque o hotel mais velho da cidade, o Pera Pala.

Há ainda mais alguns lugares interessantes para ver, nomeadamente o Liceu (Galata Lisesi), os Correios (cujo edifício é de 1875), a passagem Cicek, com múltiplas opções de restaurantes e uma decoração para lá de luxuosa e bonita, o mercado da comida e o Galatasaray Hamami, um típico e histórico banheiro turco. Lugares de interesse na rua não vão faltar, bem como opções várias de como e onde gastar o seu dinheiro. As animações de rua também são ali frequentes.

IMG_1097

Passagem Cicek

IMG_1100

Interior da Passagem Cicek

IMG_1104

Multidões na rua Istiklal Caddesi

IMG_1107

Animações de rua na Istiklal Caddesi

Percorrer toda a Istiklal Caddesi levou algum tempo até chegar à emblemática praça Taksim. Estávamos na altura com algum receio de a irmos conhecer porque apenas algumas semanas antes tinham acontecido ali as manifestações cujas imagens correram mundo. Meio que a medo, lá fomos explorando tudo aquilo que a praça tinha para nos proporcionar, já ao cair da noite.

Praça Taksim

A praça Taksim deve o seu nome ao edifício onde é administrada a distribuição de água pela cidade, este situado bem junto da rua Istiklal Caddesi. A praça, que é tradicionalmente o local onde se testemunham ao longo dos tempos múltiplas manifestações e encontros políticos, tem no seu centro o Monumento da República, simbolizando a guerra pela independência e a instauração da República. A praça é por isso um dos centros mais activos da cidade, testemunhando também a passagem diária de centenas de pessoas em direcção aos vários bairros comerciais de Istambul.

Praça Taksim

Praça Taksim

Na outra ponta da praça, no lado oposto à rua de pedestres Istiklal, fica o Centro Cultural de Ataturk com salas para concertos, espectáculos e cinema. Junto à praça Taksim fica também o Hotel Marmara e um parque enorme.

A rua larga que parte de Taksim em direcção ao norte leva-o por sua vez ao Hilton, o primeiro hotel de cinco estrelas em Istambul, e ao museu Militar, um dos melhores na cidade. Criado em 1959, o espaço museológico reúne armas, uniformes, armaduras e outros materiais usados pelo exército em diversas guerras no passado. A Igreja Trias, de uma só cúpula e com duas torres de sino, erguida em 1880, também pode ser vista se seguir a rua situada à esquerda da praça Taksim.

Praça Taksim, vista aérea, D.R.

Praça Taksim, vista aérea, D.R.

Informações úteis:

  • Torre de Gálata: preço 30 LT. Aberta todos os dias, à excepção das terças-feiras. Abre diariamente às 9 horas encerrando às 16:45 nos meses de Inverno. No Verão, o encerramento é às 18:45.
%d bloggers like this: